KYUNGSOOBRASIL.com / Fanbase brasileira dedicada a Doh Kyungsoo

D.O., Yook Seungjae, Yoon Doojoon – Ídolos que são cantores e atores, matando dois coelhos com uma só cajadada.

 

Quando se discute sobre ‘ídolos-atores’, o nome do membro do EXO, D.O., é familiar. Com seu nome de nascimento Doh Kyungsoo, ele deu seu primeiro passo e estreou como ator através do drama da SBS TV “It’s Okay, That’s Love” (2014). Interpretando Han Kangwoo, uma alucinação do ator principal Jo Insung, com quem compartilhou uma boa química e mostrou muito “bromance”, sem nenhum clima estranho. Além disso, sua interpretação e atuação da doença de Lou Gehrig também lhe renderam muita atenção.

 

Depois disso, ele entrou para o cenário do cinema através de sua participação no filme “Cart” (2014), que lhe atraiu muita atenção e recepção positiva através de sua demonstração de emoções internas. Especialmente com suas performances estáveis ​​nos filmes “Unforgettable/Pure Love” (2016), “My Annoying Brother/Hyung” (2016) e “Room No. 7” (2017), ele cresceu para liderar e se tornou o principal ator de Chungmuro. Embora ele tenha tido apenas um papel coadjuvante no filme “Along With The Gods: The Two Worlds” (2017), ele tocou o público com suas emoções complexas e meticulosas, e até recebeu o título de “Ator de Dez Milhões (de admissões)”.

 

Para destacar, ele deixou uma forte impressão no público com sua participação em projetos que apresentavam problemas sociais, os quais poderiam ser um pouco sensíveis demais para que ídolos participassem, bem como papéis que exigiam uma atuação emocional complexa. Da escolha de seus projetos de atuação, pode-se vislumbrar seu vigor e busca da excelência como ator.

 

Mais recentemente, foi revelado que Doh Kyungsoo irá estrelar nas telonas com o filme “Swing Kids” no segundo semestre deste ano. Ele também vem chamando muita atenção pois irá retornar à cena televisiva, depois de um longo tempo, participando do drama da tvN chamado “Hundread Days Husband”, um misterioso drama romântico com uma premissa nunca vista antes, e que será também seu primeiro papel principal na televisão, assim como seu primeiro projeto histórico.

 

Como um ator tendência, D.O. também é um cantor de sucesso e não se compara. EXO é um grupo representante na Coreia do Sul, com suas vendas de álbuns dando-lhes o título de “Quadruple Million Seller”, e eles também ganharam o prêmio “Daesang” por cinco anos consecutivos. Sendo um membro do EXO, D.O. participou fielmente de todas as atividades promocionais do grupo sem falhas.

 

Assim como o membro do EXO há 7 anos, D.O., ele também é o altamente esperado ator Doh Kyungsoo, na casa dos 20 anos. Ambos nomes são conhecidos em seus respectivos cenários e estamos curiosos para ver como ele irá continuar a satisfazer os olhos e ouvidos da audiência daqui para frente.

 


Fonte: Sports Daily (12.04.2018)

Tradução em Inglês: enthralleddd, kyeongsew

Tradução em Português: Kyungsoo Brasil

 

 

“Swing Kids”

Diretor: Kang Hyeongcheol

Estrelando: Doh Kyungsoo, Park Hyesoo, Jared Grimes, Oh Jungse, Kim Minho

Produtor: Annapurna Film

Distribuição: NOW

Previsão de estréia: Segunda metade de 2018

 

• Sinopse: O filme se passa no Campo de Refugiados de Geoje durante a Guerra da Coreia “25/6”, em 1951 (No caso, 25/6 foi a data de início da Guerra das Coreias, então subentende-se que o filme se passa um ano após o começo da guerra, visto que ela se iniciou em 1950). Um rebelde soldado norte-coreano e prisioneiro de guerra, Roh Kisoo (interpretado por Doh Kyungsoo), se apaixona por sapateado por acaso depois de assistir ao dançarino Jackson (interpretado por Jared Grimes, da Broadway), entrando no grupo de dança que este formou. O grupo de dança também inclui Kang Byeongsam (interpretado por Oh Jungse), que está procurando por sua esposa que ele perdeu em meio à guerra; Kim Minho, um soldado militar chinês que não consegue dançar mais do que 1 minuto por causa de seu problema cardíaco, e Yang Panrae (interpretado por Park Hyesoo) que dança para ganhar a vida. O tempo gasto dançando para alcançar seus sonhos e objetivos pessoais é curto, eles logo enfrentam o perigo quando entram na lavagem cerebral ideológica no Campo de Refugiados.

 

• Ponto Central: A extensão da atenção do diretor Kang Hyeongcheol em não perder o elemento musical do filme fez até mesmo o diretor musical Kim Junseok comentar: “O diretor também é um diretor musical”. De fato, a música também desempenha um papel fundamental no filme “Swing Kids”. O Diretor Kang Hyeongcheol compartilhou: “Não  usaremos apenas músicas daquela época, eu também queria usar a música que tenho em minha mente” e isso é demonstrado com a escolha de músicas pop dos anos 80, como David Bowie, Beatles e mais. “Por causa da incerteza da questão dos direitos autorais, eu continuava dizendo ‘Não sei’, ‘Dane-se vamos continuar com o plano’ (risos). Por causa da minha insistência, os direitos autorais das músicas também levaram cerca de um ano para serem concluídos.”

 

 

De “Scandal Makers” (2008), “Sunny” (2011) a “Tazza: The Hidden Card” (2014), o diretor Kang Hyeongcheol é alguém com um histórico estelar que produziu filmes de alta qualidade a cada 3 anos. Embora seus gêneros de projetos sejam todos diferentes, a essência dos filmes sempre giraram em torno de música e dança. O filme “Swing Kids” (2018) será outro projeto que mostrará claramente essa característica do diretor Kang. O filme tem como pano de fundo o Campo de Refugiados de Geoje durante a Guerra da Coreia “25/6”, em 1951. O diretor Kang revelará a história por trás da sociedade coreana e como suas ideologias se deterioraram através do personagem Roh Kisoo, interpretado por Doh Kyungsoo, um soldado norte-coreano cujo sonho é sapatear durante o caos da Guerra da Coreia.

 

Este filme vai retratar o grupo de sapateado “Swing Kids” durante a Guerra da Coreia “25/6”. O que despertou o seu interesse de selecionar essa história?

Inicialmente, eu pretendia filmar um filme com foco em disco, mas o resultado não era o ideal. Eu sempre me preocupei e prestei muita atenção na relação Norte-Sul da Coreia. Alguém havia, então, introduzido musicalmente “Roh Kisoo” para mim durante um passeio de carro, e que eu poderia oferecer o conteúdo que eu quisesse através desta história. Este filme retrata a luta contra as ideologias para os refugiados no Campo de Refugiados de Geoje. Através desse filme, espero compartilhar a razão por trás da divisão dos dois países, e como as pessoas inocentes eventualmente evoluíram devido à propaganda dessas ideologias.

 

Nos filmes “Scandal Makers” (2008) e “Sunny” (2011), parece ser o estilo do diretor Kang incluir elementos sentimentais e emocionalmente estimulantes. Como você poderia incorporar isso em um filme que gira em torno do “período da Guerra da Coreia “25/6”?

O período da Guerra da Coreia “25/6” é aquele que é cheio de tumulto e dor. Há essa pessoa que deseja dançar, mas não pode. Roh Kisoo é um personagem que decide fazer parte de um grupo de dança um dia. Esta circunstância não é muito diferente de agora. Houve também uma era que a leitura de “livros proibidos” fazia de você um “criminoso vermelho”. Eu também ouvi dizer que assistir filmes americanos leva à punição na Coreia do Norte. Dançar e cantar podem ser considerados como instintos básicos humanos e habilidade inata. Embora o filme mostre a guerra, a dança também pode ser vista como um elemento que conecta e une as várias eras. Através da dança, você ainda pode experimentar um vislumbre de humor em meio à tragédia. É como se você pudesse sentir a alegria da capacidade inata de dançar.

 

O filme contará com muitas cenas com sapateado?

A pré-produção geral levou muito tempo. Como a escala é grande, há muito a ser coordenado em termos de coreografia. Também demorou muito para o elenco aprender sapateado. Há cerca de duas cenas que envolveram a dança em massa, praticando para a coreografia principal e uma espécie de competição de dança. Embora essas cenas possam ser reunidas através da edição, elas exigem mais habilidades de atuação do que habilidades de edição. Nós tínhamos usado um ano para praticar sapateado. No começo, mal podíamos nos apresentar, mas agora, provavelmente, poderemos dançar em qualquer lugar e até mesmo de uma maneira cômica (risos).

 

O filme apresenta principalmente como cenário o período da Guerra da Coreia “25/6”. Estamos realmente ansiosos para sua parceria com o diretor de fotografia Kim Jiyong, que trabalhou em filmes de alta qualidade como “The Age of The Shadows” (2016) e “The Fortress” (2017) no passado.

O filme será retratado de forma a relembrar o passado. Se eu tivesse que realmente dizer algo, seria que tenta dar a sensação de um ar sem neblina. O diretor de fotografia Kim Jiyoung está ajustando a cor e tentando encontrar um tom adequado para o filme. Kim Jiyong é um diretor de fotografia que eu sempre gostei, e quando finalmente comecei a trabalhar com ele, senti como se tivesse encontrado uma alma gêmea como parceiro. É a primeira vez que entrego a cinematografia a alguém para gerenciar. Estou curioso para saber como ele traria esse filme para a vida.

 

Roh Kisoo é um jovem rebelde que lentamente encontrou seu sonho. Isso é diferente dos papéis mais obscuros que Doh Kyungsoo desempenhou em seus trabalhos anteriores, então ele mostrará um outro lado dele.

Eu quero levar Doh Kyungsoo nas minhas costas e correr todos os dias. Quero chamá-lo de “Nosso Kyungsoo, nosso Kyungsoo” todos os dias (risos). Você sabe que existem alguns filmes que existem para um ator, do tipo que evocam pensamentos como “Nenhum outro ator pode interpretar esse personagem além dele”. Doh Kyungsoo é um ator como esse. Quando filmei com ele, consegui ver seus valores e crenças maduras e boas, ao contrário do lado frívolo de um jovem típico.

 

Como um ídolo ativo que dança frequentemente, a experiência dele deve ter sido uma grande ajuda. Ele também era o ator que você tinha em mente desde o começo.

Eu estava enganado, eu não sabia que ele (Doh Kyungsoo) era o vocalista principal do EXO (risos). O sapateado e a dança de K-Pop são, afinal, diferentes. Mas como ele já tinha uma base de dança, ele foi rápido em se adaptar e aprender o sapateado. Ele não tinha um dublê (ator substituto) e era capaz de digerir até os passos difíceis da dança.

 

Como a coreografia foi concluída?

Além de mostrar bons movimentos de sapateado, também deve haver uma boa atuação. Fiz muitas entrevistas com atores estrangeiros por Skype e muitos participaram entusiasticamente. O dançarino em “Swing Kids” é excepcionalmente importante. Para Jared Grimes, que interpreta Jackson, é desnecessário comentar sobre suas habilidades de dançarino desde que ele é reconhecido na Broadway. Dito isto, foi um pouco desafiador no início, pois ainda sai um pouco do realismo. Antes do início das filmagens, falamos bastante sobre a direção e o ângulo do filme, e nos correspondemos frequentemente por e-mail (Quando ele está aqui). Ele realmente gosta da culinária coreana que é fornecida no set (risos). Por causa da comunicação que tivemos antes de filmar, conseguimos um bom desempenho.

 

Você sempre conseguiu mostrar novas imagens do seu elenco em seus projetos anteriores. Parece o mesmo para a atriz Park Hyesoo desta vez.

Atrizes muitas vezes assumem papéis importantes em um filme também. Sua personagem foi inspirada pela minha avó, queria permitir que ela revivesse seus dias mais jovens. Mulheres e meninas coreanas sofreram muito durante a guerra que foi iniciada por homens. Embora algumas fossem viúvas, elas continuaram trabalhando duro para sobreviver e pelos seus sonhos. Eu queria retratar a beleza inata dos humanos através de Yang Panrae, que Park Hyesoo interpretou.

 


Fonte: Cine21 (08.01.2018)
Tradução em Inglês: enthralleddd
Tradução em Português: Kyungsoo Brasil

 

Título:신과함께-죄와 벌

Título em inglês:  Along With the Gods: The Two Worlds, With God

Gênero:  Fantasia, Drama

Lançamento: 20 de dezembro de 2017 (Coreia)

 

Elenco:

Ha Jungwoo – Gangrim
Cha Taehyun – Kim Jahong
Ju Jihoon – Hae Won Maek
Kim Hyanggi – Lee Dukchoon
Kim Dongwook – Kim Soohong
Doh Kyungsoo – Won Il Byung

 

Sinopse:

Após a morte de uma pessoa, haverá 7 julgamentos por 49 dias no mundo da morte. Se for considerada inocente, ela poderá reencarnar. Nesse período, os Guardiões da Morte que não deveriam interferir nos assuntos humanos, inevitalvemente acabam fazendo isso.

 

Baseado no popular web comic, ‘With God’ é um filme épico de fantasia sobre a vida, a morte, a reencarnação e as forças invisíveis que nos guiam. O filme será lançado em duas partes. A segunda parte está prevista para 2018.

 

Filme:

Opção 1 (Openload):
Online + Download

Opção 2 (4shared):
Online + Download

Opção 3 (Rapidvideo):
Online + Download

 

Trailer:

 


Nós da Kyungsoo Brasil não autorizamos o reupload de nossos fansubs em nenhum local. Por favor, respeite nosso trabalho!

 

 

Título: 7호실

Título em inglês:  Room No. 7

Gênero:  Suspense, Humor Negro

Lançamento: 15 de novembro de 2017 (Coreia)

 

Elenco:

Doh Kyungsoo – Taejung

Shin Hakyun – Doosik

 

Sinopse:

Taejung (Doh Kyungsoo), um trabalhador de meio período em uma sala de DVD, esconde uma remessa de drogas no quarto nº 7 em troca de limpar sua dívida com empréstimos estudantis. Um dia, Taejung volta ao quarto para pegar as drogas mas percebe que a porta foi trancada por seu chefe Doosik (Shin Hankyun), que também tem escondido secretamente um cadáver lá dentro. Uma perigosa batalha de inteligência acontece entre um homem que deve trancar seu segredo atrás da porta do quarto nº 7, e outro, que deve entrar.

 

Saiba tudo sobre o filme Room No.7

 

Filme:

Opção 1 (OpenLoad):

Online + Download

Opção 2 (4shared):

Online + Download

Opção 3 (Rapidvideo):

Online + Download

 

Trailer:

 

 


Nós da Kyungsoo Brasil não autorizamos o reupload de nossos fansubs em nenhum local. Por favor, respeite nosso trabalho!

 

O nome verdadeiro de D.O., do EXO-K, é Doh Kyungsoo. Ele nasceu em 12 de janeiro de 1993 e seu tipo sanguíneo é A.

 

D.O. foi selecionado pela SM em 2010 e começou a se preparar para se tornar um cantor. Suas especialidades são cantar e fazer beatboxing.

 

É interessante saber como D.O. obteve seu nome artístico, mas, de alguma forma, ao invés de seu apelido, seu nome verdadeiro é mais fácil de dizer. D.O. também disse “Sinceramente, eu não consigo me acostumar com isso. Os membros também me chamam pelo meu nome real mais do que o meu nome artístico” e Chanyeol ao lado dele concordou e acrescentou “Nós também não estamos familiarizados com isso.”

 

No dia 8 de abril, no programa ‘Inkigayo’ da SBS, no dia em que tiveram seu debut, a entrevista da “Orquestra Superior” de D.O. deixou uma impressão profunda e nos fez querer conhecê-lo mais.

 

Sua imagem ansiosa quando ele se prepara para cada entrevista é facilmente perceptível e isso lhe dá um pequeno e sincero sentimento de fraternidade.

 

“Não foi assim durante o ensaio (da apresentação de debut). Eu pessoalmente acho que eu fiz bem durante o ensaio, mas ao pensar que era uma transmissão ao vivo, não conseguia lembrar a palavra “Imponente”, eu só conseguia lembrar do início (as palavras “Imponente” e “Superior” são similares. Não consegui lembrar como se dizia. Eu realmente não consigo assistir esse vídeo.”

 

Por causa de seus olhos grandes, D.O. dá um forte sentimento de “amável e frágil”, mas ele também parece muito teimoso. “Tivemos que postar uma mensagem em nossa página inicial oficial e eu disse a eles para escrever ‘coração’, mas então vi que eles mudaram para um emoticon. Então eu pedi que mudassem de volta para coração. Eu não gosto muito de emoticons.”

 

Quando perguntamos a D.O. que músico ele aspirava ser, ele respondeu Yoo Youngjin, que trabalha na SM. D.O. disse: “Eu o vi escrever e compor para as próximas promoções de ‘MAMA’, enquanto nós gravávamos, e pensei que ele era alguém de quem eu realmente tinha muito para aprender. Eu o admiro muito.”

 

Durante esta entrevista, que não foi uma transmissão, ele não parecia nervoso e falou bem, mas com a súbita questão “Existe alguma coisa que você queira dizer?”, ele nos deu novamente uma resposta modelo: “Nos dê muito amor e atenção, por favor.” começando a rir.

 


Fonte: Newsen (10.05.2012)

Tradução em Inglês: exok-translations

Tradução em Português: Kyungsoo Brasil

 

Eu nasci em 12 de janeiro de 1993 e tenho um irmão 3 anos mais velho do que eu.

 

Uma das minhas características únicas é que a parte branca dos meus olhos são maiores do que as minhas pupilas. Por causa disso, meus fãs me apelidaram de ‘Rich in Eye Whites’ (Rico em Parte Branca Nos Olhos).

 

De qualquer forma, se for difícil para você nos distinguir, basta saber que o membro com muita parte branca nos olhos é o D.O…

 

Eu era um estudante quieto na escola. Eu não queria que as pessoas soubessem que eu estava treinando na SM, então eu não contei a ninguém. Eu apenas passei meus estudos no ensino médio em silêncio e depois me formei.

 

A minha imitação de voz do sênior Oh Kwang Rok no ‘Show Champion’ da MBC Music não era algo que eu praticava. Eu sempre brinquei de imitá-lo, e isso naturalmente tornou-se meu talento pessoal. O membro que realmente tem muitos talentos escondidos é Baekhyun.

 

Eu honestamente não tenho idéia do que eu quis dizer com o ‘What Play’ que está escrito na minha foto de graduação do ensino fundamental. Deve ter sido uma frase popular naquela época, mas…Por que eu teria escrito isso como meu talento especial?

 

Desde o ensino fundamental, sempre adorei cantar ou ouvir música. Sempre participei de concursos de canto no ensino médio. Eu fui alcançado pela SM enquanto estava saindo de uma competição depois de ganhar um prêmio. Eu não sabia que tipo de empresa SM era no momento, então eu tive dificuldade em acreditar neles. Lembro-me de pensar: “Isso é real? O que é isso?”

 

Quando cometi um erro em nosso debut stage, eu não estava pensando em nada em particular. Se eu dissesse que eu fiz bem durante o ensaio… Você acreditaria em mim? Eu continuei pensando que era uma transmissão ao vivo e repetia para mim mesmo, “Magnífico, magnífico…” Eu não consegui olhar para a câmera, então, quando chegou a minha vez, todas as palavras na minha cabeça desapareceram. Eu só poderia me lembrar da primeira letra da palavra, então eu disse, ‘superior orquestra’. Eu estava tão nervoso, que eu nem percebi que usei essa palavra. Eu nunca mais quero ver essa transmissão novamente (suspiro).

 


Fonte: 10asia (02.05.2012)

Tradução em Inglês: exok-translations

Tradução em Português: Kyungsoo Brasil