KYUNGSOOBRASIL.com / Fanbase brasileira dedicada a Doh Kyungsoo

 

Uma pessoa que sempre tem os melhores resultados, seja quando ele está em um grupo como D.O. do EXO ou como o ator Doh Kyungsoo. Em um mundo onde apenas um trabalho já é difícil de se fazer bem, ele está fazendo progresso constante tanto como ídolo quanto como ator.

Doh Kyungsoo ainda é fiel às atividades do EXO e solidificou sua posição neste ano. O quarto álbum do EXO, “The War”, que foi lançado no dia 18 de julho, superou 1 milhão de cópias em 24 dias, e o EXO tornou-se “Vendedores de Milhão pela 4° Vez”. EXO ganhou o grande prêmio “2017 Soribada Best K-Music Awards” (daesang) em setembro, incluindo prêmios no ‘Asian Artist Awards’, ‘Mnet Asian Music Awards’, e ‘Melon Music Awards’, estabelecendo um novo recorde como o primeiro grupo coreano a ganhar o daesang por cinco anos consecutivos.

 

 

Além disso, o EXO realizou outro recorde com o seu show “EXO PLANET #4 – The ElyXion” no Gocheok Sky Dome, em Guro-gu, Seul, de 24 a 26 de novembro. O show foi realizado três vezes no maior estádio fechado da Coreia, eles também fizeram seis shows no Estádio de Ginástica e dois shows na principal área do Estádio Olímpico de Jamsil. Não é um exagero falar que “aquilo que o EXO faz é a história do K-Pop”.

 

 

Doh Kyungsoo, que mostrou uma performance notável com o EXO, se encontrou com a audiência através de dois filmes neste ano. No filme “Room No.7” (Diretor Lee Yongseung, Produzido por Myungfilm), que foi lançado em 15 de novembro, Doh Kyungsoo transformou-se em Taejeong, que trabalhava meio período em uma locadora de DVD para poder reembolsar seu empréstimo estudantil.

Taejeong, que tem um sonho luxuoso e empréstimos estudantis, é finalmente levado a realizar atos extremos ao envolver-se com comércio de drogas por dinheiro. Com o sentimento emocional de uma pessoa que se tornou pessimista devido à sua dura vida, Doh Kyungsoo completou o filme com olhos vazios e uma voz grossa e baixa, fazendo uma ótima variedade de performances. 

 

 

Além disso, Doh Kyungsoo também mostrou muito mais crescimento na atuação: a tatuagem em seu pescoço é gravada com a própria cor única de Taejeong, que não hesita em xingar e fumar. Foi um processo natural para Doh Kyungsoo, que retratou o autorretrato da juventude moderna projetada para Taejeong como um ator sólido.

 

 

No dia 20, o filme “Along With the Gods: The Two Worlds” (Dirigido por Kim Yonghwa, Produzido por Realies Pictures) foi lançado. Com isso, Doh Kyungsoo assegurou-se de sua presença como ator em um filme sobre a morte de um homem comum que vai a julgamento em sete infernos durante 49 dias, junto dos três ceifadores que o escoltaram até a vida após a morte. No filme, Doh Kyungsoo desempenhou o papel do sucessor militar de Kim Soohong (Kim Dongwook), o soldado Won.

Doh Kyungsoo mostrou uma atuação delicada emocionalmente como o soldado, que sempre mostra um rosto tímido, mas em frente a Kim Soohong, que o trata sem preconceito, ele mostra uma inocência mais íntima. Após o certo incidente, ele caiu em culpa. Apesar da pequena quantidade de cenas, Doh Kyungsoo deixou um grande impacto e agora ele superou o título de “ídolo-ator” como um ator de pleno direito.

 


Entre eles, Doh Kyungsoo ganhou o Prêmio de “Ator Revelação” no 38° Blue Dragon Film Awards em 25 de novembro, com o filme “Hyung” (Dirigido por Kwon Sukyung, Produzido por Choice Cut Pictures). O esforço de Doh Kyungsoo, que tem crescido de forma constante como um ator, foi finalmente coroado com o prêmio de “Ator Revelação”.

Doh Kyungsoo, quem deixou uma forte impressão de sua presença em ambas as áreas de ídolo e ator este ano. Outra razão de ser esperado que o 2018 de Doh Kyungsoo seja preenchido com recordes e filmografia.

 


Fonte: TV Daily (21.12.2017)
Tradução em Inglês: serenadyo
Tradução em Português: D.O. Brasil

 

Visto que, alguém só pode receber o “Prêmio Revelação” uma vez em sua vida, isso torna o prêmio muito valioso. O quanto isso realmente significa para um artista difere de um indivíduo para outro, e pode superar as emoções ao receber prêmios como “Melhor Ator” ou até mesmo o “Daesang”, e isso é aplicável tanto para atores como para cantores.

 

Além disso, sendo o representante novato em não apenas uma área, mas em todas as áreas em que ele desafiou, quanto mais ele surpreenderia? Essa é a história de D.O. (nome de nascimento: Doh ​​Kyungsoo), que debutou como membro do EXO-K e também é ativo como ator.

 

Lá em 2012, a SM Entertainment, que já preparou grupos como H.O.T, Shinhwa e S.E.S, estreou um novo grupo de garotos que promoveu como EXO-K na Coreia do Sul e EXO-M na China. Em 2013, o grupo terminou com o período de 12 anos de seca de álbuns físicos marcando 1 milhão de vendas de álbuns, e desde então, marcou o recorde de quatro milhões de vendas através dos seus quatros álbuns completos que sucederam, e o grupo tem sido referido como lendas de venda de álbuns.

 

D.O. estreou como parte do EXO-K e recebeu o “Rookie Singer Award” (19º Korean Entertainment Art Awards), “New Asian Artist Award” (14º Mnet Asian Music Awards), “Newcomer Award” (27º Golden Disc Awards) e “New Artist Award”  (22º Seoul Music Awards), respectivamente. Depois disso, o EXO demonstrou a majestade do grupo ao receber “Daesangs” por 5 anos consecutivos.

 

Como  vocalista principal e, naturalmente, um dos principais dentro do grupo, foi portanto, muito inesperado que D.O. realmente tenha estreado no cenário da atuação. No entanto, sua aparição como Han Kangwoo, o personagem misterioso no drama “It’s Okay, It’s Love” em 2014, sobrepassou totalmente o preconceito em relação ao calibre de atuação de “ídolos atores”. No mesmo ano, ele recebeu o “Best Newcomer” no 3º APAN Star Awards através deste projeto, alcançando o reconhecimento de seu trabalho.

 

Ele também está atualmente ampliando seu âmbito de atividades na área do cinema. Desde sua aparição inicial em “Cart” (2014 ) para “Unforgettable” (2016), “My Annoying Brother” (2016), “Room No. 7” (2017) e o que será lançado em breve, “With God” (2017), que estreará em dezembro, ele desafiou uma variedade de papéis.

 

No 38º Blue Dragon Film Awards, ele foi premiado com “Best New Actor” por “My Annoying Brother”, e agora recebeu reconhecimento em mais uma área. Os prêmios de novatos são muito difíceis de receber, mesmo que uma vez. Simultaneamente ativo nas três áreas, música, drama e cinema, ele agora detém o título de coroa tripla de “Melhor Novato”.

 


Foto: 도담도담

Fonte: Osen (28.11.2017)

Tradução em Chinês: 都暻秀后援会_DohKyungsooCN

Tradução em Inglês: Kyungsoo Trans Team (enthralleddd); channel930112

Tradução em Português: D.O. Brasil

 

O crescimento do ator Doh Kyungsoo é deslumbrante. Desde um papel secundário, crescendo gradualmente até converter-se em um protagonista principal. O ator Doh Kyungsoo, que se prendeu firmemente ao título de ator, ganhou recentemente o prêmio de “Ator Revelação” no 38º Blue Dragon Film Awards, recebendo orgulhosamente o reconhecimento.

 

Doh Kyungsoo apareceu pela primeira vez através do drama “It’s Okay, That’s Love, recebendo elogios por sua atuação estável. Sua harmonia natural com os outros atores fez com que a audiência perguntasse, “Quem é esse ator novato?”

 

Em geral, os atores ídolos que desafiam a atuação pela primeira vez não se mesclam naturalmente com outros atores, mas Doh Kyungsoo é diferente. É como se já tivesse trabalhado com eles muitas vezes.

 

No filme “Cart”, sua filmografia foi mais colorida. Ele não elegeu filmes massivamente comerciais, mas um gênero bastante pesado que se ocupa dos problemas dos trabalhadores temporários. Os atores ídolos típicos elegeriam filmes comerciais alegres como as comédias românticas, mas Doh Kyungsoo é diferente. Sua vontade de atuar é realmente forte, ele também é cauteloso com os projetos que elege.

 

A partir do filme “Pure Love” começou a carregar oficialmente o título de “ator de cinema”, além de ser o protagonista. Diferente dos atores ídolos que se converteram em protagonistas desde o início baseados em suas popularidades, ele começou com papéis secundários, acumulando gradualmente sua força para converter-se em protagonista. Depois de ver “Pure Love”, o interesse repentino que a audiência deu ao ator Doh Kyungsoo aumentou rapidamente. Incluso há surpresa como “Então Doh Kyungsoo é o D.O. do EXO!”

 

Através de seu filme recentemente lançado, “Room No. 7”, Doh Kyungsoo mostrou uma atuação cheia de tensão para a audiência. A experiência de atuação acumulada pouco a pouco durante este período brilhou em “Room No.7”. Além disso, anunciou sua capacidade de digerir vários gêneros como um ator de ‘todas as estações’. Esta é também uma produção significativa pessoalmente para Doh Kyungsoo.

 

Doh Kyungsoo recebeu o prêmio de “Ator Revelação” no  Blue Dragon Film Awards, transbordando bom humor. É uma pena que ele não pôde assistir a cerimônia¹ devido ao concerto do EXO, mas conseguiu que seu amigo próximo, o ator Jo Insung, recebesse o prêmio em seu nome.

 

Ainda que seja mais gratificante receber o prêmio com suas próprias mãos na cerimônia, o ator Doh Kyungsoo elegeu de maneira decisiva o concerto, em favor do EXO e fãs do EXO. Tal decisão capturou atenção.

 

Crescendo gradualmente de um papel secundário a um papel principal como Doh Kyungsoo, o que o torna ainda mais especial é que ele ganhou o título de ator não só baseado em popularidade mas através de seu próprio trabalho árduo. Ademais, o feito de que tenha uma filmografia da qual não tenha do que se envergonhar, não importa onde seja, faz que o futuro do ator Doh Kyungsoo seja o momento mais esperado.

 

 

¹ Após o concerto do EXO, Kyungsoo compareceu ao Blue Dragon Awards para apresentar a categoria de “Melhor Filme” junto a Shin Hakyun. Também fez seu discurso de agradecimento pelo prêmio.

 


Fonte: Sports World (27.11.2017)

Tradução em Inglês: Kyungsoo Trans Team (doitlikethis123)

Tradução em Português: D.O. Brasil

 

Esse artigo é de 2016. Serve como complemento desse artigo mais recente, que também aborda o elemento ‘hyung’ nos projetos de Kyungsoo.

 

Se o D.O. do EXO é aquele que rouba os corações de seus fãs, então Do Kyungsoo (o ator) é aquele que rouba os corações de seus hyungs Chungmuro. As atividades recentes de Do Kyungsoo na atuação têm sido realmente satisfatórias. Ele está participando em filmes como “With God“, “My Annoying Brother” e está sendo positivamente avaliado para “Room No. 7“. E a semelhança entre eles? O elemento ‘hyung’ entre todos esses projetos.

 

Primeiro de tudo, Do Kyungsoo estará contracenando contra grandes nomes da indústria no filme “With God“. Ele será co-estrela de vários atores como Ha Jungwoo, Lee Jungjae, Cha Taehyun, Ju Jihoon, Ma Dongseok e mais. No filme, ele interpretará Soldado Won, um soldado de caráter frágil e fraco. Como ele contracenará com atores como Ha Jungwoo e Ju Jihoon, que interpretarão guardiões do submundo? Realmente vale a pena a espera.

 

Próximo, no filme “My Annoying Brother“, ele se torna Go Dooyoung, o irmão mais novo de Go Doosik (interpretado por Jo Jungsuk), um impostor que foi preso por 10 fraudes criminais. Não tendo mantido contato durante os últimos 15 anos, o filme retratará a hilária, porém, tocante, história desses dois irmãos que acabam morando juntos.

 

As últimas notícias falam dele sendo co-estrela de Shin Hakyun em “Room No. 7“, cuja gerência de artistas da SM Entertainment revelou que Do Kyungsoo está sendo positivamente avaliado e discutido para o projeto com a equipe do filme. Se ele confirmar participação em “Room No. 7”, ele estará junto de Shin Hakyun e é esperado uma química entre os atores. No filme, ele interpretará um jovem com emprego de meio expediente numa loja de DVD cuja dono é Shin Hakyun. “Room No. 7” conta a história de uma série de eventos misteriosos que vêm ocorrendo na loja de DVD que Doosik (nome precariamente traduzido, interpretado por Shin Hakyun) planejava abandonar e como agora ele precisa lidar com todos esses imprevistos sozinho.

 

Do Kyungsoo, diferentemente de outros atores novatos, tem uma performance de atuação estável e um visual impactante. Assim, quando ele é comparado a quaisquer outros atores, não mostra nenhuma desarmonia, e essa é sua vantagem. Sem levar em conta suas colaborações com Jo Insung para o drama It’s Okay, That’s Love” (2014) ou Jun Kwangryul em “I Remember You” (2015), ele conseguiu cativar os corações de uma grande audiência.

 

Em junho deste ano, durante uma entrevista, Jo Jungsuk confessou que está apaixonado por Kyungsoo ♡♡♡

 


Fonte: My Daily (25.10.16)
Tradução em Inglês: enthralleddddyororo_ , doyeolove_aya , swevenodechannel930112
Tradução em Português: D.O. Brasil

 

O ator Do Kyungsoo (D.O. do EXO) está crescendo, tudo graças ao “Hyung Buff” (Hyung significa irmão mais velho em coreano. Buff é uma gíria de jogos na internet que significa uma melhora na habilidade de um personagem).

 

Tendo estabelecido e estabilizado sua posição como um ídolo-ator, Do Kyungsoo aparecerá no próximo filme “Room No.7”. Este filme também é o segundo projeto do diretor Lee Yongseung após o seu filme de estreia “10 minutes” (2014), que foi previamente bem recebido tanto localmente quanto no exterior. Além disso, o retrato de Shin Hakyun neste filme de humor negro também é digno de antecipação.

 

O filme “Room No.7” é filme de humor negro retratando a história de uma loja de DVD falida em Seul, com o dono da loja de DVD e o funcionário de meio-período adolescente, cada um guardando segredos, e sobre sua luta na tentativa de escapar de seus destinos distorcidos. Shin Hakyun interpreta o dono da loja de DVD, enquanto Do Kyungsoo será o funcionário de meio-período.

 

Do Kyungsoo mostrou um tremendo crescimento apenas através da colaboração excepcional com seus irmãos mais velhos. Não seria incorreto dizer que ele recebeu um “Hyung Buff” de Jo Insung, para Jo Jungsuk e desta vez, Shin Hakyun, Do Kyungsoo teve a oportunidade de conhecer muitos atores seniores.

 

Começou com Do Kyungsoo se reunindo com Jo Insung em 2014, para o drama de TV It’s Okay, That’s Love. O drama conta a história do amor e da vida das pessoas da geração moderna que sofrem de problemas psicológicos. Jo Insung interpretou o personagem de um romancista esquizofrênico, enquanto Do Kyungsoo interpretou um aspirante a escritor que se revela “a projeção de Jang Jaeyeol de seu eu mais novo”.

 

O ator Jo Insung trabalhou com o roteirista Noh Heekyung por três projetos consecutivos – “That Winter, The Wind Blows” (2013), “It’s Ok, That’s Love” (2014) e “Dear My Friends” (2016). Ele trabalhou de perto para analisar o roteiro de Noh Heekyung com Do Kyungsoo e não hesitou em dar sugestões e orientar seu hoobae (júnior).

 

Sendo cuidado por seu irmão mais velho, Do Kyungsoo recebeu muitos elogios pelo seu desafio em um drama de televisão, especialmente no quarto episódio e no último episódio, quando foi revelado que ele era apenas a alucinação de Jo Insung. Como um personagem que apenas Jo Insung podia ver, ele continuava pairando ao redor dele e provocava uma variedade de emoções, como risadas e lágrimas no drama.

 

Nos filmes, ele teve Jo Jungsuk como seu irmão mais velho. No filme Hyung/My Annoying Brother (2016), Do Kyungsoo interpretou um atleta de judô nacional que perdeu a visão em um acidente súbito. Jo Jungsuk foi o hyung que era um valentão e que usou a desculpa de cuidar de seu irmão mais novo para obter a liberdade condicional de seu período de prisão, e o filme trouxe muitas risadas e momentos tocantes através de sua química.

 

Jo Jungsuk é um ator talentoso que é ativo tanto em musicais quanto no teatro. No filme “My Annoying Brother”, através de seus improvisos e linhas com sentimentos leves, ele mostrou os dois lados do personagem de Jo Jungsuk, que ao mesmo tempo em que tem a capacidade de agitar os outros, também mostra um lado sério em momentos importantes.

 

Do Kyungsoo começou a aprender de Jo Jungsuk há muito tempo sobre como pegar suas emoções e fazer o seu personagem lamentável. Ele foi influenciado desde então? No web drama Be Positive (2016), ele conseguiu limpar-se das suas imagens escuras anteriores e mostrar que ele também poderia digerir um personagem brilhante e vibrante. Sua reunião com Jo Jungsuk trouxe sua atuação para outro nível.

 

No seu próximo filme Room No.7, a ‘química dinâmica de chefe-subordinado’ com Shin Hakyun não soa menos impressionante. Tanto para o chefe da loja de DVD quanto para o trabalhador de meio-tempo, os quais cada um esconde seus próprios segredos, eles estavam dispostos a lutarem fisicamente. Conforme compartilhado por Do Kyungsoo, Shin Hakyun cuidou carinhosamente dos hoobaes no set, mas não mostrou nenhuma piedade durante as filmagens.

 

Porque sua atuação se destacou, Shin Hakyun recebeu o apelido de “Deus Hakyun”. Mas, assim como seu apelido, ele o provou por não ter nenhum gênero que não possa fazer. Em particular, entre os personagens por qual ele é amado, o de “Save the Green Planet” (2003) deixou a impressão mais profunda.

 

Durante a conferência de imprensa do filme “Room No.7”, Do Kyungsoo também selecionou “Save The Green Planet” como seu projeto favorito de Shin Hakyun, aumentando a expectativa de sua parceria para este filme. Shin Hakyun também também elogiou: “Eu atuei com muitos improvisos, e Kyungsoo conseguiu responder e reagir de acordo.”

 

O crescimento de Do Kyungsoo, que absorve os talentos e as forças dos hyungs como um papel de desenho a cada vez que ele os encontra, pode ser revisado no filme “Room No.7” que será lançado em novembro.

 


Fonte: SeDaily (16.10.2017)
Tradução em Inglês: enthralleddd, lollipollipop, channel930112
Tradução em Português: D.O. Brasil

 

 

O diretor Kang Hyungcheol tem um recorde de lançamento de atores novatos ao sucesso, evidenciado por Park Boyoung de “Scandal Makers”, Shim Eunkyung e Kang Sora de “Sunny”. Mesmo assim, ele ouviu muitas críticas sobre como filmes de 10 milhões de wons¹ eram diferentes, muito difíceis.

 

E, em meio a críticas, Kang Hyungcheol escolheu Do Kyungsoo como protagonista de “Swing Kids”. Houve protestos de que, independente de quão famosa fosse a estrela de K-Pop, era demais ter uma protagonizando um filme de 10 milhões de won.

 

O diretor Kang Hyung Cheol fez uma jogada salvadora. O financiador não era confiável e estava perto de bloquear a produção. A “NEW” se tornou patrocinadora. Por isso, Do Kyungsoo foi anunciado em maio, mas as filmagens só começaram em outubro.

 

Para a imprensa, o diretor afirmou:

“Um filme altamente esperado precisa de convicção por trás de um elenco cuidadosamente escolhido. No momento em que vi Do Kyungsoo, o cenário foi evidente para mim. Parecia que o destino me levou a filmar este filme com ele.”

 

Sem escassez de elogios, o diretor parecia confiante em sua escolha:

“Swing Kids é um filme cheio de dança, raramente visto na Coreia. Precisava de alguém com habilidade de atuação e de dança, para um personagem em transição entre a infância e a idade adulta. Por isso, Do Kyungsoo foi como o destino.”

 

No começo, a “NEW” investiu 10 mil milhões de wons em “Thoughts of My Brother” de lm Siwan e contribuiu com mais de 800 milhões de wons no filme de zumbi do diretor Yeon Sangho, “Train to Busan”. “Thoughts of My Brother” não foi muito bem, enquanto “Train to Busan” ultrapassou o valor da referência de 10 milhões. Agora, a “NEW” fez sua aposta com Do Kyungsoo em “Swing Kids”.

 

Do Kyungsoo está plenamente consciente das circunstâncias. Em meio ao conflito de financiadores, ele praticou silenciosamente o sapateado. Durante cinco meses, ele procurou silenciosamente uma sala de prática. Antes de filmar, ele corajosamente raspou seus cabelos – uma ação difícil para um ídolo. Ao fazer tudo o que pôde, ele apenas provou a muitos que ele era a escolha certa.

 

No dia 16, uma conferência de imprensa foi realizada para “Room N° 7”, um filme com Do Kyungsoo e Shin Hakyun. Lá, Do Kyungsoo disse que concordava com a tatuagem de seu personagem de “não tentar agradar a todos”, mas ele ainda se esforçava em fazê-lo. Ele também afirmou que seu lema era “Em todas as perdas, há um ganho.”

 

À luz das circunstâncias em torno de “Swing Kids”, essas palavras são extraordinárias.

 

Nós tínhamos encontrado o Kyungsoo em um “funeral” no início deste ano. Ele nos disse:

“Eu continuei tendo papéis mais escuros, mas eu gostaria de agir como alguém brilhante e alegre.”

 

“Swing Kids” foi o filme que ele aceitou pouco depois dessa confissão.

 

  1. Observação: ’10 billion de won’ na tradução original são 10 milhões de won na nossa numeração, que equivalem a aproximadamente a 9 milhões de dólares.

Fonte: Star News (17.10.17)
Tradução em Inglês: FYDK-TRANSLATIONS
Tradução em Espanhol: EXO Argentina
Tradução em Português: D.O. Brasil